31/08/06

É normal ....

Uma Assistente Social e uma Psicologa foram despedidas da Oficina de S. José. Mas é normal.

O assassínio de uma pessoa por menores pertencentes à instituição . É normal .

A denuncia , ao que parece, em Tribunal, da realidade institucional em que estes viviam, e maus tratos na instituição, isso é que se revelou uma anormalidade e uma discordância insanável face ao processo educativo, merecedora da tomada de decisão por parte da instituição, pertencente à obra social da Igreja Católica.

É tudo normal: os jovens matarem uma Pessoa ( Gisberta) ; o projecto educativo da instituição; as condições de acolhimento, o seu funcionamento, etc..

A "anormalidade" é a denuncia que foi feita pelos técnicos. Quebrou-se aqui o dever de obediência e de sigilo.

Estes não estavam lá para se " meterem " no funcionamento da instituição. Eram só precisos para a Segurança Social pagar as verbazitas correspondente a cada menor aí institucionalizado, cumprindo o protocolo préviamente assinado.

Irão substituí-los por outros muito competentes e que se identifiquem com o processo educativo cumprindo assim as recomendações da Segurança Social . É a normalidade...

Do they think I'm stupid or what?

3 comentários:

Sr.Valter Ego disse...

E se a Gisberta fosse "filha" de outras pessoas?Com mais posses,mais cunhas,mais títulos,mais condomínios privados,mais carros pagos pelos contribuintes e nascidas aqui neste paraíso?

Menina Idalina disse...

Pois o caso mudava logo de figura. Disso tenho a certeza .

Anónimo disse...

top [url=http://www.001casino.com/]casino games[/url] hinder the latest [url=http://www.casinolasvegass.com/]casino bonus[/url] unshackled no set aside perk at the leading [url=http://www.baywatchcasino.com/]baywatchcasino
[/url].