11/08/08

O Fisco

Um empresário decidiu suspender o trabalho de uma fábrica têxtil da Covilhã. Uma notificação de uma penhora, recebida no dia 06 de Agosto, foi a gota de água que fez transbordar o copo. Simbolicamente entregou as chaves da empresa ao chefe da repartição de Finanças.
Tudo isto porque , a fábrica de fiação foi adquirida em Dezembro de 2005, num processo de insolvência no Tribunal da Covilhã, mas até hoje nunca houve trânsito em julgado da aquisição. Por outro lado, "a Fiper depende do trânsito em julgado para boa cobrança de 388 mil euros de IVA, ao passo que as dívidas ao fisco são de 36 mil euros. É fácil fazer as contas".
E acrescenta "Num país onde 20 por cento dos empregados têm ordenados penhorados, mais de 200 mil empresas têm dívidas ao fisco e 50 mil empresários estão ou vão estar com processos crime, há que perguntar: temos um Governo ou uma comissão liquidatária ? "

Quem se lixa no meio disto tudo são os 48 trabalhadores que em Setembro, quando chegarem de férias,podem não ter os postos de trabalho , para ganhar a miséria habitual... mas que precisam desesperadamente .

O sr. Sousa continua de férias, coisa que a maioria dos portugueses não pode fazer porque destinou o subsídio para pagamento de contas em atraso. Mas, estes problemas não são da Governação .

Isto de o Estado ser o pior patrão que existe ( olha a precariedade do emprego) e o maior caloteiro, (pagam as dívidas a três anos ou mais) não interessa nada ao sr. Sousa . Ele até já fez uma leizita , muito bem feitinha que obriga o Estado a pagar a 90 dias .... que não é para cumprir é para ir-se cumprindo .....

Acho que o sr. Sousa foi de férias com o Simplex , o Plano Tecnológico e as Novas Oportunidades ....

A Justiça em Portugal está em estado cataléptico há muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito tempo.

3 comentários:

Ana Camarra disse...

Pois gostava de saber como vive esse empresário, só por curiosidade.
se conta os tostões para pagar a renda, se reaproveita as sobras da sobras para comer, se diz aos filhos que não podem comer o gelado, se vai a pé para poupar o dinhoeiro dos transportes, se dorme, se não dorme porque deixou a receita dos comprimidos por aviar porque são muito caros...
Gostava, sou muito curiosa.

beijocas

Funcionária pública disse...

Essa teve graça. O senhor depositou a chaves nas finanças , e até teve graça, mas o seu salário, perdão , as suas mais -valias estão perfeitamente asseguradas .

Menina Idalina disse...

Ana : O que achei interessante nesta notícia é que, independentemente de nada funcionar excepto o fisco , quem se lixa sempre são os mesmo .
E ,obviamente que o dito empresário sabe muito bem o que está a fazer.