18/12/08

A rotunda do Penso Higiénico

Na Guarda a moda das rotundas vai de vento em pompa, ou melhor, ao gosto dos engenheiros do burgo ou ainda, resquícios da obra de engenharia que Sócrates deixou pela região.

Ou são rotundas grandes, largas, enormes que os camiões não conseguem fazê-las e, vai daí, desfazem-nas.....

Ou são ridiculamente pequenas, que apenas só um poste de iluminação pode existir na área circundante....

Mas, a última «obra de arte» dos engenheiros do Quim, é deveras uma rotunda, que tem merecido da parte da população, a maior das receptividades e aclamações.

Sim, nós por cá temos mesmo muito orgulho, nesta nova ex-libris da cidade. São milhares e milhares de romeiros que se deslocam à cidade, para admirarem tal obra de engenharia.

Tal é a grandeza da dita que o povo já a baptizou e tudo. Como se recordam, Sócrates fez o master em sanitas. Logo os amigos de cá, só podiam eternizar a passagem de tão grande vulto sanitário pela região, com uma rotunda que tem tudo a ver e a haver com a personagem idílica.

Vai daí o povo baptizou a nova rotunda de "Rotunda do penso higiénico".

Adapta-se ao progenitor e ao mentor das obras de retrete, que em tempos por cá deixou obra!!!

Ou seja, obrou o bastante, pois!!!

(mandaram-me por mail e merece a devida divulgação )

3 comentários:

PDuarte disse...

merece sim senhora.
e a menina merece que eu lhe deseje um grande Natal pois este seu leitor gosta muito de si e do seu sarcasmo.

SERENA disse...

Este país perdeu o tino.

Anónimo disse...

Boas.

Temos uma exactamente igual em Paços de Ferreira e por acaso até lhe chamamos também rotunda do penso higiénico...